Início » Eleições » Como votar em branco – O que isso significa? Tire suas Dúvidas!

Como votar em branco – O que isso significa? Tire suas Dúvidas!

No regime presidencialista e democrático – que rege o Brasil em todos os aspectos – o voto é um dever e um direito dos cidadãos, que podem decidir a partir das suas próprias opiniões o melhor candidato para os cargos municipais, estaduais ou federais.

urna eletrônica

Em anos de eleição, muito se falar sobre a opção de negar o voto, votando em branco, nulo ou simplesmente deixando de comparecer ao dia de votação.

Se você quer entender o que significa e como votar em branco, o artigo abaixo traz informações, curiosidades e tira suas dúvidas sobre algumas fake news que cercam essa escolha individual. Confira!

O que é votar em branco?

Votar em branco é quando o eleitor escolhe por não deixar especificado o candidato em que votará na eleição. O voto branco é utilizado também fora do país, mas no caso de uma urna brasileira, a tecla “branco” precisa ser apertada para confirmar o voto.

Em suas definições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) afirma que o eleitor que vota em branco não tem preferência pelos candidatos que estão disponíveis para a escolha, então o voto em branco traz o conceito de não querer escolher entre os disponíveis.

Hoje em dia, para votar em branco é necessário apertar a tecla “branco” na urna eletrônica e, em seguida, pressionar o botão “confirma”.

Histórico do voto em branco

Votar branco, diferente do voto nulo, era considerado válido e era contado para o candidato vencedor antes de 1988. Por isso, o voto branco era visto como um “tanto faz”, em que o eleitor se mostrava satisfeito com o candidato que vencesse as eleições.

Depois de 1988, o voto branco foi alterado.

Na Constituição, o texto exprime que “é eleito o candidato que obtiver a maioria dos votos válidos, excluídos os brancos e os nulos”. Portanto, a partir daí o voto branco não é computado para os candidatos que estejam em vantagem na quantidade total de votos válidos. Dessa forma, os votos em branco e os nulos não tem validade diante da seleção dos candidatos.

Diferença entre voto branco e nulo

Muito se discute sobre a diferença desses dois tipos de votos, que não tem validade diante da escolha dos candidatos.

Como já foi dito, o voto branco significa que o eleitor não tem preferência por nenhum dos candidatos e, antes do aparecimento da urna eletrônica, para votar dessa forma era só deixar a cédula sem preenchimento.

O voto nulo, por sua vez, é definido pelo TSE como aquele voto onde eleitor não quer só deixar de escolher, mas também pretende anular qualquer voto. Além de demonstrar a não preferência, o eleitor que vota nulo geralmente está descontente com todos os candidatos que estão concorrendo.

voto em branco

Lembrando que, para votar nulo, o cidadão precisa teclar um número inexistente e, em seguida, teclar “confirma”.

Mesmo não sendo válido na contagem final da escolha dos cargos, os votos nulos e brancos constituem um direito de manifestação de descontentamento do leitor, que prefere não escolher do que optar por algum dos políticos que estão concorrendo aos cargos.

Curiosidade sobre o voto em branco

Helio Gurovitz, blogueiro do portal G1, da Rede Globo, afirmou que o “valor” dos votos brancos e nulos equivale a meio percentual, favorecendo o candidato que está na frente. Ou seja, mesmo com a lei, a ausência de um voto significa meio voto no líder.

Por exemplo, ele explica que em uma eleição com 100 eleitores, onde 99 pessoas já votaram assim: 50 optaram pelo candidato A, e 49 escolheram B. Nesse contexto, o voto branco ou nulo dá vitória à A, que tem 50 dos votos (dos 99 eleitores), que significa um percentual de 50,5% dos votos válidos.

Votos brancos e nulos podem anular uma eleição?

Essa afirmação é falsa. Várias pessoas acreditam que, se 51% da população votar nulo, a eleição e os candidatos seriam cancelados, porém é falso. A lei afirma que são considerados exclusivamente os votos válidos na escolha do candidato, então, os votos nulos e branco que não são direcionados a nenhum político, também não são levados em conta.

A Constituição Federal de 1988 diz que será é eleito o candidato que “obtiver a maioria absoluta de votos, não computados os em branco e os nulos”.

Você conseguiu entender como funciona o sistema de votação em branco? Escolher um candidato e votar nele é um ato de cidadania para com seu país, por isso evite deixar passar essa oportunidade de mudar o Brasil!

Comente