Início » Partidos Políticos » PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados) – História, Ideologia e Lista de Candidatos

PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados) – História, Ideologia e Lista de Candidatos

O PSTU é o Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados. Trata-se de um partido de extrema esquerda relativamente novo e de baixa expressividade, porque não possui muitos candidatos eleitos.

Não conhece o PSTU, sua ideologia e candidatos? Sem problemas: a seguir, apresentamos essas e outras informações importantes sobre o partido. Confira e saiba mais sobre ele!

História do PSTU

O PSTU foi fundado no início de junho de 1994 em São Paulo. Curiosamente, ele é um resultado de uma dissidência entre um grupo (Convergência Socialista) e um partido (PT – Partido dos Trabalhadores).

No seu início, a Convergência Socialista que mantinha laços com a LIT (Liga Internacional dos Trabalhadores) e atuou no PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) na década de 70.

PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados) - História, Ideologia e Lista de Candidatos

Depois desse período, a Convergência Socialista ingressou no PT (Partido dos Trabalhadores). No entanto, essa união durou pouco tempo e ambos romperam laços por conta de desavenças.

Na época, a Convergência criticava o Partido dos Trabalhadores por não seguir fielmente o socialismo. O PT, por sua vez, criticava a Convergência por atuar como um partido próprio (com finanças, sede e jornal) e não como um associado.

A tensão entre ambos se tornou tão grande, que a executiva nacional do PT decidiu expulsar a Convergência Socialista do partido. Em seguida, a Convergência iniciou um movimento conhecido como Frente Revolucionária, que era composta por correntes de extrema esquerda, como sindicatos, movimentos e partidos socialistas.

Essa Frente foi a responsável por lançar, em 1993, a campanha de criação de um partido operário socialista, o PSTU. A fundação só foi efetivada um ano depois, após um congresso que reuniu mais de duas mil pessoas, sendo que boa parte vinha da Convergência Socialista.

Ideologia do PSTU

O PSTU é um partido socialista que prega o fim do capitalismo por meio de uma revolução operária. Seu programa é baseado em ideias de Trotsky, que têm cunho marxista e comunista.

O partido defende o fim da exploração do trabalhador e da opressão de minorias, como negros, mulheres, povos indígenas e LGBTQ+, além de lutar por direitos iguais para todos.

Para atingir esses resultados, o PSTU estimula uma revolução socialista para implantar um governo baseado em conselhos populares. Segundo o partido, essa opção daria voz ao povo, além de inseri-lo em decisões públicas e tirar o poder das mãos da burguesia.

PSTU x PT

Nos últimos tempos, devido à polarização política do país o PSTU e o PT acabam sendo comparados e, muitas vezes, igualados, principalmente quando se fala em ideologias.

Mas, ambos os partidos são diferentes: o PSTU é extrema esquerda e quer acabar com o capitalismo por meio de uma revolução socialista. Já o PT é esquerda, com alguns membros de centro-esquerda.

Na prática, significa que o Partido dos Trabalhadores não quer o fim do capitalismo, como prega o PSTU, mas uma melhor distribuição da renda entre a população, entre outros fatores.

Essa diferenciação acaba sendo importante porque ajuda a entender melhor as propostas de ambos os partidos, bem como de seus candidatos nas eleições.

Lista de Candidatos do PSTU

O PSTU é um partido novo, com poucos candidatos conhecidos nacionalmente. Ainda que tenha sido fundado em 1994 e lançado candidatos em quase todas as eleições, somente em 2012 conquistou postos no governo: um vereador em Belém e outro em Natal.

Seu número de associados é pequeno, especialmente em comparação a partidos mais conhecidos, como o PT e PSDB. Curiosamente, o partido atua dentro de movimentos sociais, estudantis e sindicatos para atrair potenciais candidatos.

Segundo o partido, esses são locais perfeitos para encontrar pessoas engajadas e construir um grupo operário que seja capaz de promover uma revolução social, acabando com o capitalismo.

Boa parte dos integrantes do PSTU vem de universidades (portanto, um público mais jovem), da direção da CUT (Central Única dos Trabalhadores), sindicatos, MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) e UNE (União Nacional dos Estudantes). Entre os principais candidatos estão:

  • José Maria de Almeida (atual presidente do partido);
  • Cyro Garcia (já foi deputado federal pelo Rio de Janeiro);
  • Dayse Oliveira (candidata ao governo do Rio de Janeiro);
  • Ernesto Gradella Neto (já foi deputado federal por São Paulo e vereador de São José dos Campos/SP);
  • Vera Lúcia Salgado (candidata à presidência da república).

Comente